O meu outro Blog - de Culinária
"A Cozinha da Grilinha"


06
Jan 16

seconlive.jpg

1990 - Aos 32 anos e após alguns exames médicos foi-me diagnosticada uma "Endometriose severa" ….

- Hummm, sabia lá eu o que era uma endometriose!! Só quis saber se tinha tratamento e qual? (cirurgia urgente)

Na consulta, a Ginecologista não me explicou o que era nem as consequências que poderiam advir desta doença. Infertilidade é uma das mais frequentes, mas essa eu já tinha superado com sucesso, pois engravidei 2 vezes (Com 23 anos tive a Ana Rosa e aos 25 anos tive o Tó).

A cirurgia “histerectomia com anexectomia bilateral” correu +/- bem (3 horas - cirurgia demorada porque as aderências já se tinham espalhado para o intestino).

Também aqui, na Maternidade Alfredo da Costa, ninguém me explicou o que se passou na cirurgia e eu pensei que tinha acabado o sofrimento desde os 13 anos de idade e que de agora em diante, mesmo numa menopausa precoce, o que me interessava era não ter dores.

Nos 8 anos que se seguiram, a vida correu-me às mil maravilhas; saúde, curso superior a bom ritmo, carreira profissional no auge, filhos e restante família com saúde e sucesso e eis que … chega o Dia de Reis de 1998.

06-01-1998 (Foi há 18 anos)

Foi há 18 anos, numa tarde do Dia de Reis, que me saiu a fava no "Bolo Rei da Vida" e iniciei a batalha contra as sequelas da Endometriose e a descoberta (uns anos depois) de que tinha Doença de Crohn, (nunca tinha ouvido falar neste “malfadado Crohn"!!!

Um internamento de quase 1 ano deu-me muita informação e formação para regressar de novo à vida, com uma ileostomia (sem intestino delgado) para cuidar diariamente e com uma lista enorme de fragilidades/consequências que esta incapacidade me provocaria, caso nesse ano sobrevivesse às 3 cirurgias, a uma dúzia de recaídas e ainda a uma septicémia. – deixei-as todas no passado. O que lá vai, lá vai  :( 

Tive e continuo a ter a sorte de ter uma família e amigos que nunca me deixaram ir abaixo psicologicamente, e ao mesmo tempo cruzaram-se no meu caminho; médicos, enfermeiros, auxiliares e delegados de informação médica que foram e continuam a ser o pilar, para que eu tenha uma melhor qualidade de vida, ao mesmo tempo que convivo com uma doença crónica e um sistema imunitário completamente debilitado.

Obrigada a todas as pessoas que têm feito parte, mais ou menos próxima, da minha vida e aos que continuam aqui ao meu lado e me ajudam a seguir em frente e pensar que: - Amanhã virá um dia melhor.

Parabéns a mim, pelos 18 anos, nesta 2ª oportunidade de viver.

Fernanda Grilo (Grilinha)

06/01/2015

* * Grilinha * * às 23:55


Fernanda Grilo
(Grilinha)
16/12/1957
Lisboa-Portugal
As Visitas
desde Nov/2003

Janeiro 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


comentários recentes
Boa tarde! Posso solicitar o contacto este médico?...
Pois, teve sorte, eu perdi meio dia de trabalho e ...
tenho contacto varias associações e nem sequer dão...
Estava a tentar ensinar a "lengalenga" à filhota, ...
Também existe a almofada cervical térmica para o a...
que cada um dos teus desejos se cumpra. Deu-me sau...
ObrigadaO comentário anterior seguiu com o meu end...
Obrigada "Cantinho da casa"Feliz Ano Novo
Oh! Cheguei tarde.Mas não deixo de lhe desejar mui...
Feliz Ano 2018, Grilinha.Quando espreito este blog...
Posts mais comentados
180 comentários
116 comentários
91 comentários
84 comentários
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

pesquisar