O meu outro Blog - de Culinária
"A Cozinha da Grilinha"


20
Jan 09

Já que ninguém me atende do outro lado do telefone, fica o desabafo no blog.


Há vários dias que ando com nova crise de vesicula, chron e mais uma infecção fantasma que dá negativo nas análises.


A hemoglobina continua de rastos apesar das várias transfusões de sangue e ferro nos últimos 30 dias.


A semana passada no Hospital dos Capuchos não consegui falar com a minha médica de cirurgia porque estava a operar e ía demorar.


Ainda na semana passada não consegui encontrar a médica de Gastro no dia em que lá estive para fazer ferro. Não fiz ferro porque estava já com mal estar da vesicula e da suposta infecção que acabou por dar negativo.


Ontem estive 2 horas a tentar ligar para o Serviço Administrativo da Gastro do Egas Moniz mas nunca me conseguiram passar a chamada.

Hoje estou desde as 10 horas a tentar ligar e das 4 vezes que a Central me atende, acabam por desligar a chamada ao passar.

Uma das vezes deram-me um nº diferente que pertence a um clube de viagens.

Se calhar é mesmo isso: Tenho que ir viajar

Na internet os nºs disponiveis no site do Hospital, não funncionam (toca toca até se desligar)


Mandei email e sms à minha médica mas possivelmente ainda não os viu


Último recurso será a urgência de S. José onde costumo deambular horas a fio até que alguém decida olhar para a minha ficha clinica.

Olham para mim como se fosse bicho raro, fazem milhentas perguntas para receber a resposta do que está nos relatórios que me acompanham e esgueiram-se dali para fora o mais rapidamente possivel.


A médica de família não tem meios para me resolver no Centro de Saúde uma crise de vesicula ou fazer análises.


Chá e bolachas até 5ª feira que é dia de transfusão e com alguma sorte estará por lá a médica de Gastro.


Até à volta, enquanto for tendo volta.

* * Grilinha * * às 11:04
estou: capaz de fugir para longe
tags:

Oh! E como se tudo isso não bastasse, no intervalo dessas tentativas de contactar a doutora ainda tiveste de atender uma "chatarrona com vontade de brincar aos anónimos" ... não há paciência de grilo que aguente tanto ahahahah

Menina linda, tu não penses em fugir! Até onde pensas que chegarias a voar com asitas tão fracas e temperaturas tão baixas? Aguarda até à Primavera e aí empresto-te as minhas asas (é que não me dou bem com o inverno)

E até lá calminha, muita alfacinha e algumas minhocas eheheh

dentadinhas
Cusca endiabrada a 21 de Janeiro de 2009 às 08:55

Obrigada cusca

Já estou internada para ver se descobrem o que se passa

Prometo que volto um dia destes

beijinhos
* * Grilinha * * a 28 de Janeiro de 2009 às 23:25

coragem grilinha! Um beijinho de amorizade
jacky a 21 de Janeiro de 2009 às 10:33

Obrigada

Já estou internada para ver se descobrem o que se passa

beijinhos
* * Grilinha * * a 28 de Janeiro de 2009 às 23:26

Queres saber da minha opinião sincera? Pelo que percebi tens uma filha que está fora de Portugal. certo? vai fazer-lhe um visita e queixa-te num hospital da zona dela, vais ver que essa infecção fantasma vai aparecer! eu digo isto, porque infelizmente, aos anos que me queixo do coração no nosso sistema de saúde e unca tinha nada, acontece que fui trabalhar para o Pais Vasco e numa noite comecei a sentir-me mal, fui lá e fizeram-me exames e analises a tudo e mais alguma coisa, não me deixaram sair do hospital sem saber o que tinha e descobriram que tinha uma perfuração no coração... escusado será dizer que não paguei nada de nada e finalmente descobri o que se passava.
A sua saúde pelo que li, parece-me bem delicada e ainda é tão jovem para estar assim!
Só me resta desejar-lhe as melhoras e que tudo se resolva!
Saúde Grilinha !
silvia a 21 de Janeiro de 2009 às 16:28

A filha já regressou a Portugal em Dezembro.

O meu caso foi enviado há 10 anos para duas clinicas em Espanha e Inglaterra e os pareceres foram idênticos:
- Nova cirurgia seria um risco demasiado grande ou até fatal
Dizia ainda que a Doença de Crhon acabaria por criar sucessivas infecções-

Está a acontecer o que já se previa.

Vou atamancando, como se costuma dizer, com o que for possivel.

Tenho uma boa médica de Gastro e de Cirurgia que fazem os possiveis para que não sofra muito mas não podem evitar as crises

Já estou internada para ver se descobrem o que se passa

beijinhos
* * Grilinha * * a 28 de Janeiro de 2009 às 23:30

Grilinha, gostaria de lhe dizer muito, mas não sei o quê.
Quando "caímos" nas mãos de alguém sensível, temos tudo dela(e).
Aqui a minha vizinha do post anterior disse tudo (aindas dizem mal de nós, professores).
Apesar de tudo, aqui em Portugal a saúde vai caminhando.
Sabe? Por vezes é necessário fazer algum escândalo nesses serviços. Resulta! Eu não o faço porque não consigo, mas já vi quem o fizesse, com muita razão, caso contrário o doente já estava no lugar onde todos vamos.
Acho que vale a pena perder o verniz, quando é para ajudar alguém.
Estimo muito que consiga a sua consulta, que melhore e que a possa ver por aqui com muita frequência.
Beijinho
Maria Araújo a 21 de Janeiro de 2009 às 22:48

Muitas vezes não reclamo porque o estado de saúde é tão débil que não há forças nem cabeça para pensar numa coisa dessas.

No entanto sempre que estou melhor e que vejo que tenho razão, reclamo e chamo à atenção dos funcionários que não colaboram com quem está doente e necessitado.

Felizmente não têm sido muitas as vezes que isso acontece mas já tive episódios muito complicados.


Já estou internada para ver se descobrem o que se passa

beijinhos
* * Grilinha * * a 28 de Janeiro de 2009 às 23:33

Caramba, rapariga! Já é preciso azar! Mas é assim, é... tens toda a razão! Não estão, não atendem, não respondem... nada de nada!
Põe-te boa depressa! se calhar acabas por ter de ir à faca... a vesícula é muito má de tratar...
mas anima-te, amiga! Pode ser que melhore com essa dieta toda.
Pobre Grilinha! vais ficar a bolachinhas durante uns tempos, mas pode ser que a vesícula fique direitinha e deixe de te incomodar! Eu fico a "torcer" para que ela te dê sossego!
beijinho.
Maria João Brito de Sousa a 22 de Janeiro de 2009 às 01:16

Se fosse fácil ir á faca já não tinha vesicula há muito tempo.

Tenho uma situação grave que não permite mais cirurgias pois corro um enorme risco de vida.

Ninguém arrisca abrir e ficar comigo na mesa de operações sendo acusado de estudar mal o processo.

Cá vou aguentando as crises e tentando sobrviver até à próxima

Já estou internada para ver se descobrem o que se passa

beijinhos
* * Grilinha * * a 28 de Janeiro de 2009 às 23:36

Amiga, compreendo e tens toda a razão. Admiro muito a coragem com que enfrentas mais um internamento e desejo, do fundo do coração, que te restabeleças o mais rapidamente possível.
Admito que não tenho a tua coragem! Nem à consulta de especialidade tenho ido, tal é o pavor que tenho dos hospitais... mas também estava sem xeta para os transportes...
Olha, se e quando quiseres alguma coisa, conta comigo. Eu sei que tens toneladas de amigos para te acarinhar, mas se te apetecer "conversar" um bocadinho, usa o meu email.
Um grande abraço para ti, Grilinha. Põe-te boa depressa! :)
Maria João Brito de Sousa a 29 de Janeiro de 2009 às 01:07

Grilinha , como te percebo Bem!Eu ando com o meu Chron ás voltas desde Julho , cortisona é até dizer chega. Não me apetece ver ninguém nem falar com ninguem. Nada! .Sei que devemos ter coragem ,pois o que é nos devem dizer? A única coisa que te digo do coração é que não me importava nada de andar contigo pelos hospitais , ao menos fazia alguma coisa de jeito! Beijinhos e as melhoras!
ligeirinha a 22 de Janeiro de 2009 às 16:49

Obrigada

Já estou internada para ver se descobrem o que se passa

beijinhos
* * Grilinha * * a 28 de Janeiro de 2009 às 23:39

Oh Grilinha, espero que já estejas a melhorar.

Rais parta o serviço de saúde que temos.

mimi a 22 de Janeiro de 2009 às 17:57

Obrigada

Já estou internada para ver se descobrem o que se passa

beijinhos
* * Grilinha * * a 28 de Janeiro de 2009 às 23:40

Olá Grilinha,

Só agora vi este post...

Se precisares eu posso levar-te ao Egas Moniz. Agora tenho tempo disponível. Posso levar-te lá e tentar ajudar-te nas voltas lá dentro... Só preciso de saber a hora e o local para te ir buscar (por volta das 8.00 horas já estou em Carnaxide, costumo regressar a casa, mas também posso alterar o itinerário).

Por enquanto - "nos próximos anos" - não me deixam dar sangue (já fui dador, com dez doações; também já recebi treze UCE (agora, felizmente, não preciso: tenho hemoglobina 14), mas se precisares posso tentar arranjar dadores.

Espero que já estejas um pouco melhor... "fala" e dispõe, será com gosto que estarei disponível.

Alberto
Escritos Dispersos a 22 de Janeiro de 2009 às 20:16

Obrigada amigo

O meu marido e o filho têm sido os motoristas de serviço nos últimos meses desde que parti o braço e não voltei a conduzir.

Já estou novamente internada no Egas a fazer exames e a antibiótico para dar cabo desta infecção fantasma que me atacou com força

beijinhos
* * Grilinha * * a 28 de Janeiro de 2009 às 23:42

Olá BOM DIA! :)

Que bom voltar a ter notícias... :)

Eu também não me importo de ser "motorista de serviço" [tenho boné e tudo... faltam só os Ferrero Rocher...!].

Acredito que aí te vão tratar muito bem e que vais sair com forças redobradas, torço por isso! Também para irmos a pé até aos Pastéis de Belém... :)

Continua a "falar" connosco, precisamos de ti [e do teu blog também!].

Beijinhos e até já... :)

Escritos Dispersos a 29 de Janeiro de 2009 às 09:44

Olá Grilinha:

Tenho vindo, quando tenho tenho e me lembro, a dar uma vista de olhos no teu blog.
Antes de mais os meus rápidos restabelecimentos de saúde.
Sou um dos que em 1975 deixou Luanda contrariado, e por cá assentou arraiais.
Gosto muito de tudo e da forma como o seu blog orientado. Bem haja e contínue.
verbrancoblogspt.com a 22 de Janeiro de 2009 às 21:47

Obrigada

Já estou internada para ver se descobrem o que se passa

Volta sempre que serás bem vindo ao meu blog

beijinhos
* * Grilinha * * a 28 de Janeiro de 2009 às 23:43

É a saúde que temos.
Além de várias carências a nível hospitalar, o pior, na maioria das vezes, é como somos tratados.
E eu sei bem do que estou a falar, porque infelizmente já não sou novata nesses meandros hospitalares.
A consolação que nos resta, é Estarmos Cá para podermos contar e refilar.
Bom sinal...
Sinal que estamos vivos.
Já é bom , não é?
Um abraço e as suas melhoras.
Carmen.


Carmen a 22 de Janeiro de 2009 às 21:52

Obrigada Carmen

Cá estou de novo internada no Egas a tentar descobrir de onde vem esta infecção fantasma e tão forte.

Abandonei a fisioterapia e o meu fisioterapeuta que tanta falta me faz ao meu braço partido.

Acredito que um dia destes volto a sorrir

beijinhos
* * Grilinha * * a 28 de Janeiro de 2009 às 23:45


Fernanda Grilo
(Grilinha)
16/12/1957
Lisboa-Portugal
Janeiro 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

11
12
13
14
15
16
17

18
19
21
22
23
24

25
26
27
29
30


comentários recentes
Olá! Vamos ter cuidado! Santo António não apareceu...
Boa tarde amigo, então ainda tem o sofá ou não, an...
Vim aqui parar ao seu blog por puro acaso. Será? N...
9 3sp8r8t9. e etern9 e o tempo infinito e a alma i...
É tão bom comemorar o aniversario, ainda mais ao l...
Tomei esse comprimidinho tramadol depois de uma ci...
Boa tarde! Posso solicitar o contacto este médico?...
Pois, teve sorte, eu perdi meio dia de trabalho e ...
tenho contacto varias associações e nem sequer dão...
Posts mais comentados
180 comentários
116 comentários
91 comentários
84 comentários
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

pesquisar