O meu outro Blog - de Culinária
"A Cozinha da Grilinha"


27
Nov 08

Chegou a época Natalícia e com ela os apelos à Solidariedade.

Chegou também a época em que muitas vozes se levantam contra estes pedidos e manifestações de solidariedade em massa só nesta época.

Chegou também a época em que eu estou em (des)acordo com estas duas anteriores afirmações pois:

 

É nesta época que mais se fazem sentir as necessidades de agasalho e comida quente no nosso País.

É nesta época que as pessoas têm mais disponibilidade financeira para ajudar.

É nesta época que os católicos celebram o nascimento do Salvador e todo o seu significado.

É nesta época que os carenciados recorrem mais a pedidos de apoio.

 

Se não celebramos o nosso aniversário todos os dias, porque razão deveremos andar a festejar o Natal todos os dias?

Eu sei que não é a mesma coisa mas, o que é banal cai em esquecimento (digo eu!!!)

 

Muitas vozes se levantarão, contra ou a favor ou com opiniões diversas mas é isso que é importante, que cada um aja conforme a sua consciência e disponibilidade.

 

Eu festejo o Natal na sua época com tudo o que a mesma representa para mim (Paz, Solidariedade, Família, Alegria, Sonhos doces e dos outros)

 

A Solidariedade ao longo do ano faço-a através de donativos em dinheiro, alimentos para o banco alimentar e roupas para a habitual Associação Samaritana em Lisboa mas, nesta época redobro o meu apoio e faço os possiveis por adquirir artigos de Associações que apoiam causas solidárias.

Ontem lá veio o estafeta (voluntário) levantar o donativo habitual adicionado dos votos de Boas Festas.

 

Para os que nunca fizeram um acto de solidariedade fica aqui a deixa:

- Pelo menos na época do Natal, seja solidário.

 

Boas Festas para todos e digam o que vos vai na alma sobre o assunto

* * Grilinha * * às 14:58
estou: com o habitual mau-feitio
tags:

Sabes uma coisa, Grilhinha ? Já não tenho paciência para as queixas sobre o Natal. De vez em quando ainda me dou ao trabalho de tentar explicar o que penso mas a maior parte das vezes nem entro na discussão.
O Natal é aquilo que fizermos dele, não é uma entidade misteriosa com vontade própria. É certo que esta é uma época em que toda a gente apela para a boa vontade, mas não é o Natal a celebração da boa vontade ? Somos massacrados com pedinchices ? Batem-nos à porta, interpelam-nos na rua, fazem-nos sentir miseráveis se não contribuirmos ? Sinto-me sempre mal quando não posso contribuir em qualquer altura do ano !
Eu celebro o Natal com alegria, com a inocência da infância. Celebro a família, os amigos, o carinho com que sou presenteada durante todo o ano. Celebro o Amor, a minha crença maior, a única arma que poderá mudar o mundo.
Adoro distribuir pequenos presentes e devo ser das pessoas que menos dinheiro gasta nessa tarefa. Se não tiver tempo para os fazer, desenho etiquetas, invento novos embrulhos, imprimo os meus próprios cartões. Poupo a carteira mas dou-me toda por inteiro. Porque, para mim, o Natal tem uma magia especial: põe estrelas nos olhos de quem amo e nada me deixa mais feliz.
Beijinhos
Maria Alfacinha a 28 de Novembro de 2008 às 11:14

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.



Fernanda Grilo
(Grilinha)
16/12/1957
Lisboa-Portugal
As Visitas
desde Nov/2003

Novembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
14

17
18
19
21
22

26
28
29

30


comentários recentes
Boa tarde! Posso solicitar o contacto este médico?...
Pois, teve sorte, eu perdi meio dia de trabalho e ...
tenho contacto varias associações e nem sequer dão...
Estava a tentar ensinar a "lengalenga" à filhota, ...
Também existe a almofada cervical térmica para o a...
que cada um dos teus desejos se cumpra. Deu-me sau...
ObrigadaO comentário anterior seguiu com o meu end...
Obrigada "Cantinho da casa"Feliz Ano Novo
Oh! Cheguei tarde.Mas não deixo de lhe desejar mui...
Feliz Ano 2018, Grilinha.Quando espreito este blog...
Posts mais comentados
180 comentários
116 comentários
91 comentários
84 comentários
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

pesquisar
 
subscrever feeds