O meu outro Blog - de Culinária
"A Cozinha da Grilinha"


05
Nov 06

Mãe,
Faz hoje 3 anos que nos deixou cheios de saudade e vazios de amor de Mãe e Avó.

A dor dentro do peito e a saudade é imensurável.

Mãe,
Sinto tanta falta de não poder ver os seus olhinhos verdes brilharem ao ver a família reunida e feliz. Porque se existiu alguém amiga da família, esse alguém foi você.

Era impressionante como não conseguíamos ficar muito tempo chateadas uma com a outra. Arranjávamos logo uma desculpa para nos falarmos ou nos sentirmos.
Todos os dias tenho algo que me faz lembrar infinitas vezes de si.

Mãe,
Você partiu deixando para trás os netos que criou e amou como mãe.
Perdeu o prazer de acompanhar os seus passos, de participar diariamente nas suas conversas sobre o emprego da Ana Rosa e os estudos do Tó.

Mãe,
Obrigada pelo amor que me dedicou, pelo carinho que sempre teve por mim e pelos meus filhos porque se não fosse você, eu nunca seria o que sou hoje.
Obrigada por todos os momentos que passamos juntas.
Obrigada pelo amor e carinho que me dedicou ao acompanhar a minha doença que tanto a fez sofrer tb a si.

O que me consola neste momento é saber que o seu sofrimento (doença de Parkinson) acabou rápido e que um dia (quem sabe) nos voltemos a encontrar.

Um beijinho da sua filha

Nanda (Grilinha)
* * Grilinha * * às 00:03
estou: Com saudades da minha mãe
tags:

Saudades.Ternura...
padeiradealjubarrota a 5 de Novembro de 2006 às 01:05

:(

Um beijinho enorme Grilinha :* e muitos parabens á tua mãe!
Tania a 5 de Novembro de 2006 às 01:42

Um xi-coração apertadinho
* a 5 de Novembro de 2006 às 01:42

Quem lida de perto com a morte sabe que ela não perdoa. O nosso dia chegará. E era bom que dos que vão andando à frente ficassem os registos de boas memórias daqueles que ainda vão ficando.
Como é o caso.
Zé "Prisas" Amaral a 5 de Novembro de 2006 às 14:22

Apesar da tristeza, é bom qdo temos mais coisas boas que más a recordar!
neste dia tão especial para ti, 1 jinho especial tb
pascoalita a 5 de Novembro de 2006 às 14:34

Cara amiga, eu não sei o que é perder uma mãe, sei o que é perder uma avó que tinha como mãe (o que na adolescência não foi nada fácil ), e sei da dor, da ansiedade, do medo de perder qualquer um dos meus pais, que tanto amo, com virtudes e defeitos, mas acima de tudo com AMOR verdadeiro.
Um beijinho reconfortante para si.
Só morrem verdadeiramente os que deixam o nosso coração, a sua mãe não morreu, só não está aqui para a abraçar...
Paula silva a 5 de Novembro de 2006 às 15:00

Um forte abraço e um beijo pela ternura deste texto.
Maria Papoila a 5 de Novembro de 2006 às 17:02

Amiga Grilinha.
Eu sei bem o que é perder a nossa mãe....
Mas, ainda bem que tens tantas recordações boas.
E onde a tua mãe estiver também está orgulhosa da filha corajosa que tem.
Beijocas.Mary90
mary90 a 5 de Novembro de 2006 às 20:27

é preciso força!! tb eu perdi recentemente os meus avos em dois meses apenas é duro!
marco a 6 de Novembro de 2006 às 00:30

Há pessoas de quem não nos esquecemos nunca.
... pelo muito(tudo,,,)que nos deram!
mfc a 6 de Novembro de 2006 às 10:12


Fernanda Grilo
(Grilinha)
16/12/1957
Lisboa-Portugal
As Visitas
desde Nov/2003

Novembro 2006
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
15
17
18

19
21
22
23
25

27
28
29


comentários recentes
Olá.Quando vi no mail "Grilinha", voltei a sorrir....
Olá Maria AraújoObrigada por te teres lembrado de ...
Boa noite.Há minutos, enquanto jantava, lembrei-me...
Gostei muito de ler a tua opinião! Um beijinho
http://meninadeangola.blogspot.com (http://meninad...
Ah ! Ah ! Ah !Adorei as regras.
Deixo o link para o meu Facebook:https://www.faceb...
Olá AméricoFiquei muito satisfeita de te voltar a ...
Posts mais comentados
180 comentários
116 comentários
91 comentários
84 comentários
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

pesquisar